Levis

levisLEVI’S é uma lenda americana, como John Wayne, Abraham Lincoln e a parte do hino em que o país se autodefine como uma “terra de bravos”. Um objeto de consumo que iria revolucionar a maneira de se vestir da juventude. Eleita pela revista norte-americana Time como “a vestimenta do século XX”. Ela é mais que uma marca forte e contestadora. É um orgulho. Pode ser considerado o mais poderoso símbolo do estilo americano no planeta.

A LEVI’S, maior produtora de roupas do mundo, proprietária da Dockers States, está presente em mais de 120 países ao redor do mundo, empregando cerca de 10 mil funcionários. Segundo a consultoria britânica Interbrand, somente a marca LEVI’S está avaliada em US$ 2.68 bilhões, ocupando a posição de número 100 no ranking das marcas mais valiosas do mundo.
Em 2008, a Levi Strauss & Co resolveu remodelar seu jeans modelo 501. Substituiu o zíper pelo botão, na tentativa de que todos tenham o mesmo corte nos 110 países em que o modelo é vendido. Paralelamente lançou sua primeira campanha global de marketing. O conceito da campanha é “Live Unbuttoned” ou “Viva Desabotoado”, ressaltado como uma experiência de liberação e quebra de convenções. A marca está adotando a política de apostar em um só modelo porque acredita que os jeans de corte reto são uma tendência de moda global e que este é o momento de marcar o modelo 501 para os consumidores no mundo.